Guia do Lar - O seu Guia de Serviços e Produtos para o Lar
ServiÇos
Foto do MÊs

O que a natureza tem de belo

Acessar

Linha Direta

Serviço de atendimento ao usuário Aqui você opina sobre a qualidade dos serviços dos profissionais cadastrados.

Acessar

Atenção na hora de comprar, armazenar e preparar os pescados
Guia do Lar - Dicas e Informações - Dicas de Saúde - em 25/03/16 por :de Figueiredo

Com a proximidade da sexta-feira da Paixão e da Páscoa, o consumo de pescados aumenta em todo o país. Por ser um alimento que deve ser escolhido e conservado adequadamente, os consumidores precisam estar atentos a todos os cuidados necessários para garantir a qualidade da refeição tradicional da família no próximo feriado. Pensando nisso, o Idec preparou uma série de dicas importantes para ajudar o brasileiro na hora de comprar, armazenar e preparar esses alimentos.

Local e temperatura
Procure comprar o peixe em estabelecimentos de sua confiança. Preste atenção nas condições de higiene e veja se as instalações, equipamentos, uniformes e funcionários estão rigorosamente limpos e organizados. O termômetro é outro detalhe importante que deve estar presente em geladeiras, balcões e freezers para que o consumidor verifique a temperatura de conservação dos produtos.
 
Caso o cliente escolha comprar o pescado em feiras livres, ele deve verificar se o produto está envolto em camadas generosas de gelo. Mais uma boa dica é adquiri-lo somente no final da compra, pois as chances dele estragar são menores. 
 
Peixes fresco e a granel
Na hora de comprar peixes frescos e à granel, tente encontrar um produto que não tenha passado pela limpeza prévia para observar os detalhes que indicam se o peixe está fresco ou não. Os sinais que indicam o frescor do peixe são: olhos turgidos e brilhantes. Nos peixes com escamas, elas devem estar aderidas à pele, as guelras devem apresentar coloração de rosada a vermelho vivo, o esfíncter anal deve estar fechado e o odor deve ser característico - após a verificação desses detalhes, o consumidor pode solicitar a limpeza do peixe. 
 
 Peixes embalados
Antes de comprar peixes embalados, veja se o rótulo contém as seguintes informações: nome do produto, data de embalagem e validade, produtos eventualmente utilizados para conservação, temperatura de conservação, lote, peso bruto e líquido, nome e endereço da empresa processadora e carimbo do SIF (Serviço de Inspeção Federal). 
 
Procure embalagens transparentes para verificar facilmente as condições do produto e veja se elas estão íntegras e sem estufamento. Nunca compre o pescado em locais que utilizam jornais para embalar esses alimentos, pois a tinta contém toxinas prejudiciais aos seres humanos. 
 
As embalagens de peixes enlatados devem conter as mesmas informações citadas acima e não podem estar estufadas, amassadas ou apresentar ferrugem. 
 
Bacalhau
Como identificar os diferentes tipos de bacalhau não é fácil, o consumidor deve estar atento para não levar outro peixe pensando ser o verdadeiro bacalhau. Uma dica é observar o tamanho da cauda - ela ajuda a identificar a espécie. O tipo mais nobre, por exemplo, apresenta postas altas e largas e cor palha. Não só para o bacalhau, mas em todos os peixes salgados, o consumidor deve verificar se produto está bem seco. O peixe também não deve apresentar manchas escuras ou avermelhadas na camada de sal ou abaixo dela, pois isto pode indicar, entre outras coisas, a presença de bactérias deteriorantes.
 
Armazenagem
Existem várias maneiras de armazenar os diferentes tipos de pescado. Os peixes frescos, por exemplo, devem ser colocados no freezer ou no congelador. Já os enlatados devem permanecer em locais frescos e sem contato com a umidade para não comprometer a integridade das latas. Os peixes salgados, como o bacalhau, devem ser mantidos em locais frescos ou refrigerados e só devem ser congelados após a dessalga. Quem adquirir o peixe inteiro, antes de congelar, é necessário remover as vísceras, lavar a peça com água corrente abundante e deixar o produto pronto para sua preparação.
 
Preparo 
Primeiramente é preciso descongelar o peixe. Porém isso não deve ser feito em temperatura ambiente e sim sob refrigeração ou micro-ondas. Durante a dessalga, o produto deve permanecer em água limpa que precisa ser trocada diversas vezes - enquanto o processo acontece, o produto deve ser mantido sob refrigeração.
 
Na hora do preparo, a higiene é essencial. Lave sempre as mãos e, para evitar a contaminação cruzada, nunca utilize os mesmos utensílios para alimentos crus e cozidos.
 
Consumo 
Mesmo sendo considerados alimentos saudáveis, o modo de preparo dos pescados pode  influenciar na sua condição. Prefira peixes assados, grelhados ou cozidos. Evite frituras, pois o teor de gordura pode prejudicar sua saúde.
 
Por fim, lembre-se: se sobrar peixe no almoço, não desperdice. Guarde o que restou em embalagens fechadas e congele o alimento.
 
 
Publicação http://www.idec.org.br
 
 
 
 
 
 

Opções de compartilhamento

Imprimir artigo Imprimir artigo

Envie um artigo você também!

Clique no link abaixo para preencher o formulário e enviar o seu artigo para a seção Dicas de Saúde do Guia do Lar. Estaremos aguardando a sua colaboração!

Formulário de envio

Busca
Parceiros
FÃs do Facebook
Central do Anunciante
Seu E-mail:
Preenchimento obrigatório.
Sua Senha:
Preenchimento obrigatório.
AdministraÇÃo